Tamanho do texto: A-A+

Vereadores discutem soluções para os problemas da Vitória de Santo Antão

Camara Vitoria

Problemas de ordem urbana e reforma de logradouros públicos foram tratados

 

A sexta sessão ordinária dos vereadores da Vitória de Santo Antão aconteceu na noite desta quinta-feira (14), no plenário da Câmara Municipal. Foram discutidas cerca de trinta proposições, entre indicações e requerimentos, porém nenhum projeto de lei constava em pauta.

 
Parlamentares vitorienses discutiram alguns dos principais problemas enfrentados pela população nos últimos meses. O legislativo apresentou soluções ao Prefeito Elias Lira (PSD) para amenizar os problemas urbanos existentes em algumas localidades, bem como viabilizar melhorias em praças, escolas e estradas.

 
O vereador Dr. Saulo Albuquerque (PSB) questionou o atraso no pagamento dos salários de centenas de comissionados da Prefeitura de Vitória, bem como a existência de buracos nas principais vias de acesso à cidade. Já o vereador Edvaldo Bione (PMDB), levantou a suspeita de que haja inúmeras irregularidades na doação de terrenos públicos desde a gestão do ex-prefeito José Aglailson (PSB) e na gestão anterior de Elias Lira (PSD). Bione chegou inclusive a sugerir uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar as denúncias, que segundo ele, são de extorsão e de repasses ilegais.

 
Confira o que os vereadores debateram e aprovaram em bloco na sessão desta quinta:

 
Novo da Banca (PSD): Solicita ao Executivo a construção de quadra poliesportiva no Distrito de Pirituba; reforma da praça do bairro Matadouro; construção de Posto médico e ou Policlínica com ambulância no Loteamento Conceição II; bem como asfaltamento nas principais vias do Bairro de Redenção.

 

Geraldo Filho (PTC): Solicita ao Executivo a construção de um novo Cemitério e velório municipal em Vitória de Santo Antão; sugere a construção de um clube recreativo para os servidores do Município e também uma praça recreativa com práticas esportivas na Comunidade do Outeiro; sugere ainda viabilizar meios para intensificar a fiscalização e regulamentação da fila de espera em bancos sediados na cidade; Instalação de câmeras de seguranças nas entradas e saídas das escolas da rede de ensino do Município; aproveitou para expressar Voto de Aplauso a Evaldo Chaves (Macarrão) – Diretor da 12ª CIRETRAN em Vitória, pelo bom desempenho a frente do órgão. Ainda solicitou a Prefeitura que retome a distribuição gratuita de leite no Engenho Serra Grande, Zona Rural do Município.

 

Toninho (PR): Solicita ao Executivo a reposição de asfalto e saneamento na Comunidade de São João Batista, bem como a construção de um Chafariz no Bairro de Militina, área urbana.

 
Edmo Neves (PMN): Solicita ao Executivo a reposição de asfalto na subida da Rua Walter Barros – da FAINTIVISA (no Bairro do Cajá), execução e reforma das praças do bairro de Redenção, além da Praça do Fórum e a Diogo de Braga (estas duas últimas no Centro); reforma na Faculdade da Criança – no Lídia Queiroz; melhoria nas estradas que permitem o acesso às Comunidades rurais do Sítio do Cipiá, Oiti e áreas adjacentes; aproveitou ainda para sugerir ao Prefeito Elias Lira (PSD) a distribuição gratuita de notebooks a todos os professores da rede municipal de ensino.

 
Dr. Saulo (PSB): Recomenda um Voto de Pesar pelo falecimento na manhã desta quinta-feira da Sra. Antonia Joana Freitas da Silva (Dona Tota), pessoa muito atuante na comunidade da Igreja do Maués. Aproveitou ainda para registrar o aniversário de seu pai que completou 90 anos.

 

Bau Nogueira (PSD): Registrou um requerimento verbal para a Prefeitura calçar a via que vai do Bairro da Bela Vista ao Loteamento de Bau, sob o argumento de que principalmente as crianças sofrem com a lama quando vão à escola, sobretudo na época do inverno. Reforçou o seu pedido de uma escola e um posto de Saúde para o Loteamento de Bau, ressaltando inclusive que poderá doar o terreno ao poder público caso seja necessário. Registrou ainda um voto de aplauso para seu filho, o ex-vereador por três mandatos – André de Bau, com a justificativa de que o mesmo está cansado de tanto trabalhar pelo povo, pois atende a população “a custo zero” como advogado, esta homenagem acabou subscrita por outros parlamentares.

 

Do mais, a Mesa Diretora da Casa Diogo de Braga esclareceu aos representantes do sindicato dos servidores presentes à Sessão, que não há nenhum projeto de Lei originário do Executivo referente a reajuste salarial da categoria. O presidente Edmo Neves se comprometeu, caso este projeto de Lei chegue a Câmara com este teor, deverá convocar uma Sessão Extraordinária, a fim de evitar possíveis prejuízos aos servidores vitorienses.

 

Edmo Neves informou quanto a Audiência Pública marcada para o dia 04 de abril, às 19h30, no Plenário da Câmara, para tratar da falta d’água constante em dezenas de Bairros de Vitória. Salientou quanto à necessidade em analisar a qualidade da água consumida pela população que vive o grave racionamento existente em toda a cidade. A Audiência deverá tratar ainda do índice de coliformes fecais existentes no Rio Itapacurá que corta a cidade, buscando soluções imediatas para resolver o problema da falta d’água e de seu principal Rio. Todos os órgãos e atores públicos envolvidos com a temática serão convocados para esta atividade pública. (LN)

 

 

 

 

Compartilhe esta notícia

15
março 2013
Comentários: 0 Visualizações:2.442