Câmara concede titulação em memória de Duda da Passira

CAMARA

 

 

Para lembrar a brilhante trajetória do sanfoneiro Duda da Passira, falecido em agosto de 2013, a Câmara de Vereadores da Vitória de Santo Antão, concedeu, na noite desta quinta-feira (30) uma homenagem em memória do artista. Familiares e ex-companheiros de palco do músico estiveram na Casa Diogo de Braga para celebrar o momento, cinco anos após a sua despedida dos palcos e da vida.  Na solenidade, parentes do músico receberam o Título de Cidadão Vitoriense concedido a ele ainda em vida.

 

O forrozeiro, que era diabético, faleceu após ser internado no Hospital da Restauração, no Recife, vítima de uma complicação digestiva. A homenagem a Duda foi uma proposição do vereador José Carlos Frasão, apresentada em 2011, mas que não foi entregue em mãos na época.

 

“Essa homenagem foi sugerida no meu último mandato há nove anos, mas por acúmulo de tarefas, não foi entregue em mãos. Neste novo mandato, era mais que uma obrigação minha relembrar esse grande artista que brilhou em nossa cidade”, enfatizou o parlamentar.

 

Júnior Passira, filho do sanfoneiro, foi um dos incentivadores da homenagem ao seu ídolo. “Hoje faz cinco anos que houve o velório do meu pai aqui neste lugar. Eu sei que é muito forte relembrar, mas eu sei que ele está feliz, porque tem um legado. Pra mim é uma grande satisfação receber essa homenagem em nome do meu pai”, disse Júnior ao usar a tribuna.

 

Duda-da-Passira

 

 

Natural da cidade de Passira, no Agreste do Estado, Júlio Nunes Pereira começou sua trajetória como amante do forró pé de serra. Seu legado foi reconhecido mundialmente e, em 1991, Duda foi indicado ao Grammy Internacional no quesito música regional.  O artista faleceu aos 64 anos.

 

 

 

Compartilhe esta notícia

31
agosto 2018
Comentários: 0 Visualizações:469